TJ remarca para dia 19 julgamento de embargo em processo contra Erivaldo Mandú

728x90

728x90

Erivaldo Mandu é prefeito de Mata Grande, no Sertão de Alagoas – Foto: Reprodução/Internet

Erivaldo Mandu é prefeito de Mata Grande, no Sertão de Alagoas – Foto: Reprodução/Internet

O julgamento de embargos de declaração num processo que tem como réu o atual prefeito de Mata Grande, Erivaldo de Melo Lima, mais conhecido como Erivaldo Mandú (PP), foi remarcado para a próxima terça-feira (19).

A decisão foi tomada pelo relator do caso no Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), desembargador Sebastião Costa Filho. A análise do embargo estava marcada para terça-feira desta semana (12), antes de ser adiada.

Como o processo corre em segredo de Justiça, a Assessoria de Comunicação do TJ/AL não passou detalhes sobre o caso. Por outro lado, em dezembro de 2017, Mandú foi preso acusado pelo Ministério Público Estadual (MPE/AL) de chefiar um esquema de repasse de “mensalinho” a quatro vereadores de Mata Grande para que eles aprovassem projetos de interesse do Executivo.

Uma semana depois, ele foi libertado, porém, continuou afastado da prefeitura até abril deste ano quando, por uma decisão do TJ/AL, reassumiu o mandato.

Let’s block ads! (Why?)

Source: Correio Notícia


No Banner to display