Marca histórica: SSP não registra assaltos a ônibus em Maceió no mês de junho 01987b3067cfe4e2121950970b71f179_L - 0 Comentários*Enter your name*The entered E-mail is invalid.*2 caracteres no mínimo.Do not change these fields following Ampliar Imagem

Marca histórica: SSP não registra assaltos a ônibus em Maceió no mês de junho




O mês de junho contabilizou uma marca histórica para a Segurança Pública de Alagoas no enfrentamento aos assaltos a ônibus em Maceió. Segundo dados do Núcleo de Estatística e Análise Criminal (Neac) da SSP, nenhuma ocorrência foi registrada no período, consolidando assim o melhor resultado da história.

Ao longo dos últimos anos, a política de integração entre as forças policiais e também com outros setores tem proporcionado grandes conquistas, como a redução da violência e de outros crimes. O combate aos assaltos a ônibus têm sido uma das grandes frentes de atuação, o que comprova os resultados obtidos e proporciona à população mais segurança.

De acordo com os dados estatísticos, o mês de junho de 2019, usado como base para comparação, teve um total de oito ocorrências. Já o primeiro semestre de 2020 contabilizou 38 assaltos a ônibus. Em 2019, o mesmo período teve um total de 58 ações criminosas, o que aponta para uma redução de 34%.

O secretário da Segurança Pública, Lima Júnior, lembrou que o período é atípico, já que estamos diante de uma pandemia que alterou a rotina de diversos setores, mas que o transporte público seguiu suas atividades e, desta forma, todas as ações desenvolvidas pela Segurança Pública foram mantidas.

Além das operações de saturação e de abordagem aos ônibus, as Polícias Civil e Militar estão ainda fiscalizando o cumprimento dos Decretos Governamentais, realizando a fiscalização em terminais e avenidas da cidade para evitar aglomerações e também checar se as pessoas estão utilizando máscaras.

“É um grande resultado registrar um mês sem nenhuma ocorrência de assalto. Isso demonstra a importância do trabalho integrado entre as forças policiais e também a parceria com as empresas de ônibus, o sindicato dos rodoviários e a população. Mesmo diante de uma pandemia, seguimos cumprindo nossa missão e garantindo a segurança de passageiros e trabalhadores neste momento”, disse.

O presidente do Sindicado das Empresas de Transporte Urbano (Sinturb), Guilherme Borges, explicou que as empresas de ônibus mantiveram 80% de sua frota de ônibus circulando diariamente desde o início da pandemia e que o resultado do mês de junho só mostra o quanto é positivo o trabalho conjunto das empresas e Secretaria de Segurança Pública. “Nós nos preocupamos diariamente com a segurança dos passageiros e sabemos da importância de acompanhar os números e enviá-los para a SSP, assim como manter os equipamentos de segurança funcionando e com manutenção em dia para fornecer as informações para investigação. Agradecemos o apoio das polícias que estão na linha de frente para combater os assaltos, investigar e evitar novas ocorrências”, afirmou.

O presidente em exercício do Sindicato dos Rodoviários (Sinttro), Hernande José dos Santos, afirmou que o mês de junho marca, mais uma vez, a luta histórica da categoria dos rodoviários e da Segurança Pública de Alagoas contra os assaltos a ônibus.

“Essa luta em busca de segurança para o transporte coletivo começou em 2008, mas somente com o governo Renan Filho foi possível avançar. O secretário Lima Júnior encarou essa luta com seriedade e pudemos alcançar números como o de junho de 2020, na verdade a ausência de números, já que zeramos os assaltos pela primeira vez em décadas. Mesmo em um período de pandemia, a luta e o combate não cessaram e, por isso mais uma vez estamos todos de parabéns”, completou.

Fonte: AGÊNCIA ALAGOAS


No Banner to display


No Banner to display