Governador lança em Arapiraca o Programa de Complementação Alimentar GEST - 0 Comentários*Enter your name*The entered E-mail is invalid.*2 caracteres no mínimo.Do not change these fields following Ampliar Imagem

Governador lança em Arapiraca o Programa de Complementação Alimentar

728x90

728x90

O governador Renan Filho e a secretária executiva de Assistência e Desenvolvimento Social, Morgana Tavares, lançaram, na manhã desta segunda-feira (8), em Arapiraca, o Programa Estadual de Complementação Alimentar e Nutricional para Gestantes, Nutrizes e Crianças em Situação de Vulnerabilidade Social.

 

“Em 2018, o Programa começa com duas novidades. Vai atender crianças de até seis anos de idade e com diagnóstico de desnutrição. Receberá, ainda, itens da agricultura familiar, através do Programa Estadual de Aquisição de Alimentos (PAA/AL)”, revelou Morgana Tavares.

O evento foi promovido na Casa do Empreendedor, na Rua São Francisco, Centro da cidade. Renan Filho, a secretária executiva, o vice-governador, Luciano Barbosa, e a secretária municipal de Assistência Social, Amilca Melo, fizeram a entrega simbólica de 764 cestas nutricionais.

 

Renan Filho lembrou que em meio à crise que afeta o país, o Governo do Estado faz a sua parte. “Esse Programa colabora muito para com as mães, desde os primeiros meses da gestação até o final da amamentação. Eu digo sempre que um Governo deve governar para todos. Mas, se não puder cuidar de todos o tempo todo, deve cuidar, sobretudo, de quem mais precisa”, afirmou o governador.

Mensalmente, o programa distribui 25 mil cestas em Alagoas, por meio da Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seades) e das prefeituras municipais, que cuidam do cadastro dos beneficiários.

 

Márcia Gonçalves, 19 anos, mãe do pequeno Elias, de dois meses de vida, falou da importância do Programa de Cestas Nutricionais. “É uma iniciativa muito interessante porque tanto alimenta a gestante e quem já está amamentando, que é o meu caso, como o bebê”, disse a mamãe.

As cestas são certificadas pelo Inmetro e compostas por 14 itens fundamentais para combater a desnutrição de gestantes e recém-nascidos. Entre os itens estão aveia, proteína, cálcio e ferro. O recurso financeiro para aquisição é proveniente do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Fecoep).

AGÊNCIA ALAGOAS


No Banner to display