banner ads

De mala e cuia, Cristiano Mateus volta para Pão de Açúcar querendo ser prefeito




Foto: Divulgação/Google Imagens

Foto: Divulgação/Google Imagens

Os novos sendo os mesmos. Essa é a sensação, hoje, da política de Pão de Açúcar.

Ao abandonar o cargo de prefeito no final do ano passado, o emedebista Flávio Almeida da Silva Júnior antecipou o fiasco quadro sucessório, repleto de conluios que tem transformado a política do município em uma máquina de lavar dentro de uma agência de turismo.

O atual prefeito, Clayton Farias Pinto (PSL), já sonha com uma reeleição, devendo esbarrar nas pretensões do grupo do ex-prefeito Jorge Dantas e do médico Eraldo Almeida, o Dr. Eraldinho. Os dois se articulam pela chefia do Executivo.

Mas, a festa de Bom Jesus dos Navegantes, encerrada no último fim de semana, teria estragado a tão sonhada comemoração da vitória antecipada e revelado a faceta das pesquisas através das manipuladas redes sociais.

De volta à terra natal, de onde saiu sem olhar para trás, o ex-prefeito de Marechal Deodoro, cidade vizinha a Maceió, Cristiano Matheus, teve o nome – de supetão – lançado para a prefeitura. Cristiano é ex-genro do desembargador Washington Luiz, que nutre interesses pela política no Sertão. Washington já foi deputado e hoje é substituído na Assembleia Legislativa pelo irmão Inácio Loiola, eleito na última eleição graças ao incondicional empenho da sobrinha, a ex-prefeita de Piranhas e ex-mulher de Cristiano, hoje secretária estadual de Cultura, Mellina Freitas.

O nome de Cristiano, para alguns, teria o apoio de Clayton Pinto e “marcaria” terreno para a família Damasceno Freitas, que, além de Pão de Açúcar, almeja o retorno à Prefeitura de Piranhas.

Sem hoje ter opções de voto, a população de Pão de Açúcar assisti a tudo sem enxergar a claridade da luz no fim do túnel.

Let’s block ads! (Why?)

Source: Correio Notícia


No Banner to display


No Banner to display