Corrida e caminhada alertam sobre o trabalho infantil 12MA-Corrida-Contra-o-Trabalho-Infantil-26_-377×290 - 0 Comentários*Enter your name*The entered E-mail is invalid.*2 caracteres no mínimo.Do not change these fields following Ampliar Imagem

Corrida e caminhada alertam sobre o trabalho infantil




Não comprar produtos ou serviços oferecidos por crianças e fazer a denúncia pelo Disque 100. Foi para dar visibilidade a atitudes assim que a Prefeitura de Maceió realizou, neste domingo (12), a Corrida & Caminhada Contra o Trabalho Infantil que reuniu mil participantes. Com largada e chegada na orla de Pajuçara, a ação foi organizada pela Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) em parceria com outros órgãos municipais.

A Equipe de Bem com a Vida saiu cedo da cidade de Satuba para participar do evento com 10 integrantes, entre eles o vereador Armeson Gabriel. “São muito importantes ações como essa, porque apesar de refletir um tema já muito abordado, mas ainda há muitas crianças sendo exploradas com trabalhos penosos. Muitas vezes os pais esquecem de levá-las até a escola. Então é bom alertar para que a sociedade reflita um pouco mais para juntos combatermos o trabalho infantil”, disse o participante.

Armeson Gabriel é de Satuba e participou do evento com a Equipe de Bem com a Vida
Foto:Marco Antônio/Secom Maceió

O empresário maceioense Gilberto Silva participou da corrida ao lado da família e ressaltou a garantia dos direitos das crianças. “Eu sempre participo de corridas e venho hoje pelo propósito do evento, porque sou contra o trabalho infantil e precisamos priorizar os estudos das crianças”, opinou. A servidora pública Josineide Fernandes é mãe e sabe muito bem como o tempo das crianças deve ser ocupado: “A gente não pode admitir que as crianças trabalhem. Elas precisam brincar e estudar até chegar a juventude e seguir os objetivos”.

Gilberto Silva é empresário e abraçou a causa. Foto: Marco Antônio/ Secom Maceió

Os participantes entenderam bem o objetivo da iniciativa, que foi destacado pelo secretário-adjunto de Assistência Social, Henrique Alves Pinto. “A gente buscou chamar atenção da população para uma temática importante que é o combate ao trabalho infantil. Aproveitamos a alta temporada para mostrar as consequências prejudiciais numa ação que envolveu mais de mil atletas. Para isso, foi necessário contar com as secretarias e órgãos parceiros que abraçaram a causa”, pontuou o gestor.

Henrique Alves Pinto,  secretário-adjunto de Assistência Social, enalteceu importância da Corrida. Foto: Marco Antônio/ Secom Maceió

Dos mil inscritos, 600 participaram da corrida de 10km e 400 da caminhada de 4km. Para realizar a inscrição, cada participante contribuiu com 2kg de alimento, que serão doados para entidades socioassistenciais de Maceió. Crianças e adolescentes acompanhadas pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos e de unidades de acolhimento do Município também prestigiaram a ação.

Largada da corrida e caminhada foi na orla de Pajuçara. Foto:Marco Antônio/Secom Maceió

“O trabalho infantil é uma mácula na sociedade”. É assim que define Sheila Barros, diretora de Proteção Social Especial da Semas, que justificou a forma de conscientizar a população. “A Prefeitura tem sempre ações para o combate ao trabalho infantil, principalmente no verão. Como Maceió é uma cidade turística, a gente vê muita criança vendendo na praia. Então aproveitamos para conscientizar de uma forma mais prática na orla e em corredores de transporte”, informou Sheila. “O foco é proteger as crianças”, acrescentou.

Superintendente de Desenvolvimento Sustentável, Gustavo Acioli Torres, lembrou ações contínuas. Foto: Marco Antônio/ Secom Maceió

A Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes) foi parceira da Corrida. O gestor Gustavo Acioli Torres participou da corrida e lembrou que há ações durante todo o ano. “A Semas tem um importante trabalho para coibir esse tipo de situação e temos um exemplo em que a Sudes também participa que é a fiscalização em cemitérios no Dia de Finados, quando há muitas crianças trabalhando. Essa parceria vem dando grandes frutos e temos consciência de que lugar de criança é na escola e em brincadeiras. Aqui a gente divulga, conscientiza, promove a saúde e ainda terá a ação social com a doações de alimentos”, disse o gestor.

Primeira edição de evento reuniu pessoas de todas as idades. Foto: Marco Antônio/ Secom Maceió

Outro secretário que também vestiu a camisa da corrida foi Flávio Saraiva, titular da Secretaria Municipal do Trabalho, Abastecimento e Economia Solidária (Semtabes). “Foi uma ação fundamental que conseguiu fazer um alerta expressivo pelo grande número de pessoas que participou. Temos aqui pessoas conscientes que com certeza finalizaram a corrida e a caminhada com o desejo de contribuir e proteger ainda mais as crianças”, expressou o secretário.

Procuradora do Trabalho Virgínia Ferreira participou de corrida. Foto: André Lira/Ascom Semas

O Ministério Público do Trabalho calcula 4,3 mil denúncias de trabalho infantil por ano no Brasil. Para a procuradora do Trabalho, Virgínia Ferreira, que também participou da corrida, alertar a população é um passo importante no processo de combate: “A Prefeitura está de parabéns pela iniciativa por despertar um olhar crítico da sociedade para esse mal que é o trabalho infantil, uma chaga que ainda assola o país e que tira a infância de nossas crianças. Elas precisam ser protegidas, ter o direito de sonhar, brincar e estudar. Trabalho é coisa de adulto”.

Todos os participantes da corrida e caminhada receberam medalhas. Os primeiros colocados na corrida receberam troféus. Na categoria feminina, o pódio foi ocupado por Elisangela Quaresma (1ª colocação), Adriana Alexandre (2ª) e Núbia Rafaela (3ª). Já na categoria masculina, os vencedores foram Cristiano Grigorio (1º lugar), Cleberson João (2º) e José Luciano (3º). A Plataforma dos Centros Urbanos (PCU) do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) também apoiou o evento.

Fonte: Thiago Aquino/ Secom Maceió


No Banner to display


No Banner to display