Coronavírus: força-tarefa segue com fiscalização Dia2_6-377×290 - 0 Comentários*Enter your name*The entered E-mail is invalid.*2 caracteres no mínimo.Do not change these fields following Ampliar Imagem

Coronavírus: força-tarefa segue com fiscalização




Mercados e feiras também foram alvo das equipes 

 

Continuam os trabalhos de fiscalização e orientação por parte da Força Tarefa Integrada entre a Prefeitura de Maceió e o Governo do Estado. Nesse domingo (22), segundo dia de atuação, as equipes percorreram as ruas da cidade, durante os turnos da manhã, tarde e noite, para garantir a obediência às medidas dos gestores públicos para conter a proliferação do coronavírus.

Fiscalização prossegue em Maceió

Mercados e feiras foram alvos do segundo dia de fiscalização. Foto: Assessoria

Participaram da ação a Secretaria Municipal de Segurança Comunitária e Convívio Social (Semscs), com a Fiscalização de Posturas e a Guarda Municipa, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), com a Vigilância Sanitária, a Secretaria Municipal de Abastecimento e Economia Solidária (Semtabes) e a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT). A Polícia Militar de Alagoas e o Corpo de Bombeiros também integram a força-tarefa.

A fiscalização percorreu os bairros do Centro, Levada, Ponta Grossa, Trapiche, Jacintinho, Benedito Bentes, Fernão Velho, principais ruas da Pajuçara, Ponta Verde e Jatiúca e toda a orla marítima. Os mercados públicos e as feiras do Tabuleiro, Benedito Bentes e Fernão Velho também foram alvo da fiscalização.

O Disque-denúncia da Semscs registrou 19 chamadas somente no domingo e uma delas resultou no fechamento de um bar em Fernão Velho e outro no Benedito Bentes. Neste último caso, o material foi apreendido e o proprietário conduzido até a Delegacia para registro de Termo Circunstanciado de Ocorrência por desobediência, já que insistia em manter o estabelecimento aberto.

A irregularidade mais frequente encontrada pelas rondas tem sido o funcionamento de bares e lanchonetes. Já no Disque-denúncia, a maior parte das denúncias diz respeito a empresas que estão fechadas, mas os funcionários permaneceriam trabalhando.

Pela manhã, quatro lojas foram fechadas. E, ao final do dia, outro bar foi fechado, dessa vez, na Ponta Grossa. Também foram fechados um churrasquinho, atrás do Estádio Rei Pelé, e três trailers na Praça da Faculdade.

“Fechar os estabelecimentos, de acordo com os decretos do Estado e do Município, e ficar em casa são atos de amor e solidariedade nesses tempos que estamos vivendo. A colaboração de cada um, com o isolamento social e a higienização adequada, é essencial para impedir a transmissão do vírus. É preciso atender o que dizem os especialistas e o que determinam as autoridades”, disse o secretário-adjunto da Semscs, Dogival Ferreira.

Telefones para denúncias

Os números de telefones para denúncias de descumprimento dos decretos são:

– 3312- 5277 (disque-denúncia da Semscs) – das 8h às 22h, diariamente, inclusive feriados e finais de semana;

– 190 (Polícia Militar);

– 181 (Secretaria de Segurança Pública).

 

Fonte: Ascom Semscs


No Banner to display


No Banner to display