Câmara deve instalar CEI para investigar preço da gasolina em postos da capital PRE - 0 Comentários*Enter your name*The entered E-mail is invalid.*2 caracteres no mínimo.Do not change these fields following Ampliar Imagem

Câmara deve instalar CEI para investigar preço da gasolina em postos da capital

Os vereadores de Maceió vão instalar uma Comissão Especial de Investigação (CEI) para apurar as denúncias de formação de cartel praticado por donos de postos de combustíveis no preço da gasolina na capital. Nove vereadores assinaram o requerimento durante a sessão ordinária desta quarta-feira (19), na Câmara Municipal. Hoje, o maceioense paga até R$ 4,00 por um litro de gasolina.

O requerimento é de iniciativa do vereador Zé Márcio Filho (PSDB) que, segundo ele, tem recebido diariamente denúncias e reclamações sobre o alto preço cobrado pelo litro da gasolina em postos na capital alagoana.

“Não é mais possível não discutirmos por que em Maceió o consumidor é obrigado a pagar R$ 4,00 em um litro de gasolina, quando em outras cidades do estado, o preço chega a R$ 3,20, R$ 3,40. Todos os dias escuto programas de rádio e são inúmeras as ligações dos ouvintes reclamando de um suposto cartel no preço do combustível. Em Caruaru, por exemplo, o preço está bem abaixo e não há explicação convincente para que em Maceió esteja tão alto”, destacou.

O vereador Francisco Sales (PPL), durante seu pronunciamento na Casa Mário Guimarães, lembrou que há cerca de 1 ano o Procon foi proibido pela justiça de investigar o suposto cartel.

“Está fazendo um ano que, absurdamente, o Procon foi proibido pela Justiça de fiscalizar o preço da gasolina aqui em Maceió. Sua iniciativa, vereador Zé Márcio Filho, tem todo nosso apoio. É preciso investigar o que está acontecendo e por que o maceioense paga mais caro que outros lugares do estado”, argumentou.

Nesta quinta-feira, o requerimento que solicita a instalação da CEI será lido em Plenário. Após isso, caberá ao presidente da Casa, vereador Kelmann Vieira (PSDB), de comum acordo com as lideranças, indicar os nomes que vão compor a comissão.

GAZETA WEB


No Banner to display