América-MG e Chapecoense garantem vaga na elite e Série B tem 11 times na briga por 2 vagas acesso-4 - 0 Comentários*Enter your name*The entered E-mail is invalid.*2 caracteres no mínimo.Do not change these fields following Ampliar Imagem

América-MG e Chapecoense garantem vaga na elite e Série B tem 11 times na briga por 2 vagas

A elite do futebol brasileiro já tem definidos dois novos representantes para a temporada 2021. América-MG e Chapecoense conquistaram os resultados que precisavam nesta terça, na 34ª rodada, e contaram com tropeços de CSA e Juventude para garantir acesso à Série A por antecedência. Agora, 11 times lutam por duas vagas nas quatro rodadas restantes.

Líder, o Coelho foi o primeiro a sacramentar retorno ao Brasileirão (de onde caiu em 2018), após empatar sem gols com o Náutico, nos Aflitos, e chegar aos 67 pontos. Esse foi o quarto acesso americano na era dos pontos corridos da segunda divisão, o que o torna recordista de ascensões ao lado de Sport e Avaí.

Jogadores do América-MG comemoram o acesso para a Série A — Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press

Jogadores do América-MG comemoram o acesso para a Série A — Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press

A Chape precisava vencer o Figueirense, e o fez por 2 a 1, na Arena Condá, para chegar a 66 pontos. Assim como o América-MG, o time não pode ser ultrapassado pelo Juventude (5º, com 52 pontos), e volta à Série A após uma edição afastado – caiu em 2019.

Das onze equipes que lutam por duas vagas, algumas têm mais chances e outras precisam praticamente de um milagre. E ainda existem duas partidas a serem disputadas nesta quarta, pela 34ª rodada, que podem definir cenários para Cruzeiro e Avaí.

A Raposa está em 13º, com 44 pontos, e enfrenta o lanterna Oeste em casa, para chegar a 47, dar salto na tabela e ficar a 5 pontos do G-4. Em outro jogo desta quarta, o Avaí (9º, com 47) precisa vencer o Vitória (que luta contra o rebaixamento) para encostar no pelotão de cima.

Além de Cruzeiro e Avaí, outros com chances matemáticas são o Cuiabá (3º, com 55), CSA (4º , com 52), Juventude (5º, com 52), Guarani (6º, com 48), Ponte Preta (7º, com 48), Operário (8º, com 48), Brasil de Pelotas (10º, com 47), CRB (11º, com 46) e Sampaio Corrêa (12º, com 45). A partir daí, os times têm chances quase nulas ou não tem mais possibilidade de acesso.

Jogadores da Chapecoense comemoram gol sobre o Figueirense em jogo que rendeu acesso — Foto: DINHO ZANOTTO/AGIF

Jogadores da Chapecoense comemoram gol sobre o Figueirense em jogo que rendeu acesso — Foto: DINHO ZANOTTO/AGIF

Fonte: GE


No Banner to display


No Banner to display